Está pensando em modificar o seu imóvel e não sabe por onde começar? Algumas dicas para reformar casa podem ser muito úteis na hora de planejar, contratar profissionais, comprar o material, entre outras providências.

A primeira coisa que você deve ter em mente antes de começar a colocar sua casa de pernas para o ar é que, se trata de um momento difícil e você terá que ter bastante paciência para evitar estresse. Afinal, é muita bagunça, poeira e outros transtornos. Munir-se de calma é essencial para que tudo acabe bem e bonito!

Confira algumas dicas para que a reforma de sua casa transcorra na maior paz. Acompanhe!

1. Efetue o planejamento

Planejar qualquer projeto é fundamental para garantir bons resultados, e com reformas não seria diferente. O planejamento pode evitar imprevistos, perda de tempo e de dinheiro.

Mas, calma! Não estamos falando de algo complexo com muitos números e tabelas complicadas.

Na verdade, nosso planejamento pode ser bem simples. Apenas algo para nos guiarmos, como datas e uma tabela de fácil aplicação, se você achar melhor. Assim, haverá menos possibilidades de ocorrer algo inesperado que atrapalhe seu cronograma.

É possível fazer um bom planejamento enumerando alguns itens, pode ser no papel, smartphone ou computador, como preferir. Coloque prazos, custos de mão de obra e material, por exemplo. Confira alguns tópicos como sugestão:

  • data de início da reforma;
  • prazo de duração da reforma;
  • prazo do término da reforma;
  • fases da reforma (ex: trocar o piso da sala, repintar o apartamento, trocar luminárias);
  • gasto estimado com material;
  • gasto estimado com a mão de obra;
  • valor total estimado da reforma.

Com esses itens definidos, quem pretende fazer uma obra já conseguirá um controle maior sobre o andamento e os gastos da sua reforma.

2. Tenha cuidado na hora de contratar a mão de obra

A mão de obra geralmente não é barata, por isso, é muito importante que se pesquise sobre os diferentes tipos de serviços oferecidos hoje em dia. Não contrate profissionais sem referências. Conhecê-los antes de contratá-los é uma boa forma de prevenção contra futuros aborrecimentos.

Peça sugestão de alguém de seu conhecimento que tenha feito reforma e tido uma boa experiência. Essa é a melhor maneira de não errar ao escolher a mão de obra. Opte sempre por bons profissionais e não se iluda com preços muito baixos, só assim terá a garantia de um projeto bonito e bem-executado. Essa é uma das dicas para reformar casa que você não pode esquecer!

3. Defina um orçamento

Definir o quanto você pode gastar na obra é essencial para estabelecer seu orçamento. Só assim é possível contratar a mão de obra e comprar o material necessário. Primeiramente, você deverá colocar no papel tudo o que pretende fazer, quais cômodos deseja reformar e quais são as prioridades —, ou seja, os reparos que você não pode deixar de fazer.

Não se esqueça de deixar uma reserva para aquelas despesas inesperadas que sempre aparecem durante uma reforma. Feito isso, você terá mais tranquilidade, pois uma das grandes preocupações de quem faz reforma é quanto ao orçamento.

4. Compre o material com cautela

Após contratar a mão de obra, é importante que você se informe com o profissional responsável sobre tudo que será necessário comprar. Depois peça indicações das melhores marcas, inclusive das ferramentas que serão utilizadas. Uma boa dica é fazer um levantamento de preços — dessa forma, torna-se possível garantir bons descontos e uma boa economia no custo final do material.

Como você pôde conferir neste artigo, essas dicas para reformar casa são úteis para se organizar. Assim, você deixará sua residência do jeitinho que quiser e terá controle sobre o orçamento, evitando que ultrapasse os seus limites.

O que você achou deste post? Uma boa ajuda para se organizar para a reforma, não é mesmo? Compartilhe-o, então, nas suas redes sociais e ajude seus amigos a também lidarem com esse momento!