Provavelmente, você já teve que fazer algum reparo em casa — pendurar um quadro ou painel, colocar uma cortina ou montar um móvel, por exemplo — e não tinha as ferramentas básicas para essa situação. Quando isso acontece, precisamos recorrer aos vizinhos ou temos que adiar os trabalhos pela falta do equipamento adequado.

Para ajudar você a se prevenir contra esse tipo de situação, fizemos uma lista com 13 ferramentas básicas que todo mundo deve ter em casa. Confira!

1. Chave de fenda

A chave de fenda é uma das ferramentas mais utilizadas em uma casa, uma vez que a maioria dos parafusos utilizados nos móveis de madeira são de fenda simples. Mais cedo ou mais tarde, você certamente precisará dessa ferramenta não só para apertá-los ou substituí-los, mas também para outras situações corriqueiras.

2. Chave Phillips ou de fenda cruzada

Assim com a chave de fenda simples, a chave Phillips ou de fenda cruzada é também um item essencial. Os parafusos de eletrodomésticos, equipamentos eletrônicos e até alças de panelas são compatíveis com essas chaves. Pode estar certo que em algum momento as peças precisarão ser trocadas ou apertadas.

3. Alicate universal

Como o nome sugere, o alicate universal serve para muitos propósitos. Ele tem a ponta de pressão e a parte central de corte, sendo ideal para cortar fios, apertar peças, segurar objetos pequenos e cortantes, soltar pinos e muitas outras tarefas.

4. Chave-inglesa

Ferramenta versátil, a chave inglesa tem abertura regulável e pode ser utilizada nas mais diversas situações, desde a remoção e colocação de peças pequenas, até na troca de válvulas de água, por exemplo.

5. Trena

Você compra um móvel para sua sala de TV e ele não cabe no local que você desejava, alterando o layout e a sua decoração, ou atrapalha a passagem das pessoas. Isso não é nada agradável, certo?

Ter uma trena ajuda a prevenir esse problema. Saber as dimensões de um cômodo, tamanho dos móveis e distâncias é extremamente importante quando queremos renovar, reformar ou alterar a posição da mobília da nossa casa.

6. Furadeira

A furadeira é indispensável para várias operações em casa, tais como a fixação de um quadro na parede, a colocação de uma prateleira ou a instalação de móveis suspensos (armários de cozinha, suportes e painéis de TV, por exemplo). É uma ferramenta extremamente versátil, que pode ser combinada com os mais variados tipos de brocas e, dependendo do modelo, ser utilizada como parafusadeiras.

7. Nível

Confiar apenas na sua visão para a instalação de móveis, prateleiras ou mesmo quadros é bastante arriscado. Além de provocar furos em excesso na parede, um painel ou quadro torto poderá deixá-lo muito incomodado.

Imagine a seguinte situação: você montou sua bela sala de TV, mas quando todos se sentaram no sofá para assistir ao filme, o painel torto chamou mais atenção do que o que estava passando na tela. Somente com um nível você consegue evitar esse tipo de problema.

8. Martelo

Nós sempre temos algo para prender em casa, seja um quadro, um espelho ou um móvel mais elaborado. Mas não é só para pregar que serve o martelo. A ferramenta pode ser utilizada para a remoção de pinos ou outras peças impossíveis de serem retiradas à mão livre, incluindo aquele prego que deve ser removido por questão de segurança.

9. Serra

Mais uma daquelas ferramentas que você não usará tanto, mas quando precisar, não terá como substituí-la por outro objeto. As serras são bem úteis para cortes em canos de PVC e de metais, se consolidando como uma ferramenta ideal para reparos em encanamentos. Se você tiver uma área maior para guardar as ferramentas, pode adquirir também um serrote para fazer trabalhos em madeira.

10. Itens de fixação

Nunca é demais ter pregos, parafusos e buchas em casa, certamente chegará um momento em que você necessitará deles. Não perca tempo, sempre que sobrar algum parafuso, seja da montagem de um móvel ou de algum equipamento eletrônico, guarde-o em um pote.

Não se preocupe em separá-los por tipo ou tamanho, apenas faça a sua coleção. O mesmo serve para os pregos, junte as peças em outro pote, sem se preocupar em organização, apenas para fazer um bom estoque.

Esses parafusos e pregos soltos “salvarão a sua vida” e te ajudarão a recuperar objetos, como vassouras com cabos soltos, peças soltas em camas, cadeiras e mesas com pernas bambas, além do uso clássico para pendurar quadros e outros objetos de decoração.

É claro que há momentos em que temos que ter uma série de parafusos sob medida, para trabalhos específicos, como instalar um móvel suspenso, como armários, painéis, suportes, que já perderam o parafuso ou a bucha original. Nesse cenário, é mais seguro adquirir parafusos e buchas novas e padronizadas, para garantir a fixação correta.

11. Chave de testes

A chave de teste é utilizada para conferir se há corrente elétrica em uma tomada, equipamento ou fio. É uma peça bem parecida com a chave de fendas, mas o formato é igual apenas para que ela caiba em locais de difícil acesso. Não é recomendado que essa ferramenta seja forçada como uma chave de fendas convencional, para que não seja perdida a sua função principal, ao soltar um fio ou contato interno.

Essa peça reduz a margem de acidentes, sempre que você estiver na dúvida se um aparelho está energizado, basta encostar a ponta da chave, que a luz acenderá. Acabou o apuro na hora de consertar ou trocar aquele chuveiro!

12. Jogo de chaves combinadas

Ter um jogo de chaves de diferentes tamanhos e funções também quebrará o galho na hora de resolver problemas hidráulicos, fazer reparos em bicicletas, motos e carros. Esse jogo de chaves é importante tanto para a sua casa quanto para deixar no porta-malas de seu carro.

13. Parafusadeiras

Outro objeto que, caso você não seja um montador de móveis, não usará tanto, mas que certamente será útil para atividades domésticas, como prender objetos na parede, remontar um móvel ou uma cama, após uma mudança.

Alguns móveis necessitam de tantos apertos que exigem, além de força, muito tempo para serem montados. A parafusadeira portátil a bateria agilizará o seu trabalho e garantirá o torque necessário para prender as peças, sem deixá-las bambas.

Além das ferramentas básicas que listamos aqui, não deixe de adquirir acessórios essenciais, como fita isolante, colas de madeira e fita veda rosca.

Compre uma caixa para guardar tudo e a mantenha em um local seguro, principalmente se tiver crianças pequenas em casa. Por mais que a maior parte desse material fique guardada um bom tempo, ter esses itens é indispensável. Afinal, as emergências nunca acontecem com hora marcada, não é?

Agora que você já conhece as 13 ferramentas que não podem faltar em sua casa, é hora de fazer um comparativo de preços e marcas. Dê uma conferida em nosso site!